top of page

Sistema cardiovascular

Você sabe como funciona nosso sistema cardiovascular?


Garantir oxigênio e nutrientes para as células, parece tão simples, mas essa é só uma das principais funções do sistema cardiovascular.


Também conhecido como sistema circulatório, é constituído pelo coração, sangue, artérias, veias e vasos sanguíneos, sendo responsável pela eliminação dos resíduos metabólicos no nosso organismo.


Sabe aquelas roupas que ninguém mais quer? É preciso esvaziar as gavetas para que outras novas ocupem o espaço. É mais ou menos o que o sistema cardiovascular faz, basicamente ele se livra daquilo que não tem serventia para o nosso corpo.


Ele garante a circulação de sangue por todo nosso corpo e também é responsável por outras importantes funções como, promover a defesa contra agentes infecciosos, realizar a coagulação sanguínea e regular a temperatura corporal do organismo.


Veja quais são as doenças do sistema cardiovascular que mais matam os brasileiros


As principais causas de morte entre os brasileiros, o AVC - Acidente Vascular Cerebral e o Infarto do Miocárdio estão no topo da lista.

Segundo a Organização Mundial da Saúde - OMS, elas são a causa número 1 de mortes no mundo:


  • Doença Isquêmica do Coração;

  • Doença Cerebrovascular e

  • Cardiopatia Hipertensiva.


Seja pela falta de atendimento imediato ou pela falta de exames preventivos, a questão é que as doenças que afetam o sistema cardiovascular, não escolhem sexo, idade e nem, hora para acontecer.


Dados recentes revelaram que cerca de 270 mil brasileiros morreram em decorrência de doenças cardiovasculares em 2022. Uma notícia triste e assustadora depois de tantas perdas na pandemia Covid 19.


De acordo com o Ministério da Saúde, cerca de 300 mil indivíduos por ano sofrem Infarto Agudo do Miocárdio (IAM), ocorrendo óbito em 30% desses casos. Estima-se que até 2040 haverá aumento de até 250% desses eventos no país.


As principais causas estão relacionadas ao estilo de vida pouco saudável que muitos desses brasileiros adotam. O álcool e o fumo são duas bombas potentes que colocam a saúde em risco.


Outro fator de risco é a predisposição genética, porém as causas principais ainda envolvem o sedentarismo, o sobrepeso, alimentação muito calórica e o estresse.

Um olhar mais atento pode identificar alguns sinais de alerta importantes em quem pode estar prestes a ter um problema no coração:


  • Náuseas;

  • Mal-estar;

  • Dor no peito;

  • Sudorese;

  • Palpitações;

  • Perda de consciência.


Ouça seu coração!


Exames preventivos são a melhor forma de combater doenças fatais. Aquela ida anual ao cardiologista pode evitar não apenas o agravamento da doença, como pode salvar a sua vida.


Cuidar da alimentação, praticar atividades físicas, evitar álcool e tabaco, são práticas que além de ajudar a controlar o peso, mantém o seu corpo mais jovem e saudável.


E se você é adepto da longevidade, comece o dia adotando um novo estilo de vida e agendando uma visita ao seu médico cardiologista. Ele vai ficar muito feliz em ajudar você a cuidar da saúde do seu coração. 🤍


Gostou desse post? Compartilhe estas dicas com alguém que precisa desta informação e deixe sua opinião!



Fonte:

Ministério da Saúde


35 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page